Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Vida da Gorduchita

A Vida da Gorduchita

27
Set18

Feira do Livro do Porto e arrependimentos

Na manhã do último sábado de férias (sim, eu sei, tecnicamente o sábado já não faz parte das férias mas...) rumei, sozinha, à Feira do Livro do Porto.

A S. ficou com os meus pais, o marido tinha coisas a fazer nos escuteiros e eu aproveitei o momento para algo que me faz feliz: livros.

 

Cheguei lá pelas 11:05, mesmo na abertura. Queria ver aquilo com calma, sem montanhas de gente a vaguear pelos stands. E, mais ou menos, assim o consegui.

A manhã estava quente mas, nos Jardins do Palácio de Cristal, há sempre frescura e por isso, as condições estavam excelentes.

 

Espreitei todos os stands, demorei-me um pouco mais nos alfarrabistas à procura de super oportunidades, mas vim "carregada" de livros infantis, esssencialmente. Extraordinariamente, custa-me gastar dinheiro em livros para mim, mas para a S. nem tanto.

 

Comprei duas coleções de pequenos livros: uma com histórias de princesas, outra com histórias de animais. A primeira com 50% de desconto, a segunda com 30% (mas esta tinha mesmo de ser que é para devolver, em bom estado, a quem nos emprestou em tempos esta coleção).

Depois encontrei 2 livros que me pareceram muito interessantes a excelente preço - um a 2,00€ e outro a 2,50€. 

E trouxe o novo livro do Cuquedo, que não resisti (adoro o primeiro), mesmo só estando com 20% de desconto. Vale que me ofereceram 3 pequenos livros aquando desta compra! :)

 

Para mim, trouxe apenas uma edição de Mensagem, de Fernando Pessoa. Nunca li nada de Fernando Pessoa (shame on me, I know), a edição é linda e estava a um preço maravilhoso, logo uma oportunidade a não perder.

 

Não encontrei nada mais que achasse que valia o gasto do dinheiro. Ou melhor, nada que estivesse a preço que me apetecesse gastar.

segredos-de-princesa.jpegcuquedo.jpg

  

relogio.jpg zog.jpg

 Mensage_1.jpg

 

Do que me arrependo afinal?

   1. De não ter trazido mais exemplares daqueles livros infantis que estavam ao preço da chuva. Dariam excelentes presentes para os aniversários de amiguinhos da S. (na 2ªf já havia, na sua caixinha na escola, um convite para uma festa para este sábado).

   2. De não ter trazido mais exemplares do livro de Fernando Pessoa. A 5€ cada um, com a apresentação que tem, seriam também belas opções de presentes para o Natal.

 

Foi uma oportunidade perdida... mas pronto, outras surgirão.

 

12 comentários

Comentar post