Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Vida da Gorduchita

A Vida da Gorduchita

23
Abr18

Breve regresso em 6 pontos

Primeiro:

Obrigada pelas palavras de apoio. Continuo sem grande inspiração, sem grande disponibilidade, mas continuo a gostar de aqui vir, escrever e ler. Posso não deixar tantos comentários, mas vou espreitando os vossos cantos (embora nem sempre faça uma leitura integral...). 

Dias mais inspirados e mais folgados virão! 

 

Segundo:

Terminei a leitura do "Pais à Maneira Dinamarquesa" (pode ser que ainda venha cá falar sobre ele). Uns dias depois, ganhei coragem e é desta: comecei a ler "A Queda dos Gigantes", de Ken Follett. Finalmente, vou ler a trilogia O Século! 

 

Terceiro:

Fui com a S. assistir a uma peça de teatro para crianças. Quer dizer, aquilo não era bem teatro, era um espectáculo musicado, com palhaços malabaristas! Bom, a definição não interessa. Interessa é que foi bastante engraçado e ela se divertiu imenso com os Irmãos Esferovite.

Tenho de andar mais atenta às agendas culturais das cidades que me rodeiam! 

 

Quarto:

Tentei ir dar sangue no sábado, mas não consegui. Volta e meia lá me acontece de o sangue não fluir devidamente e o processo de dádiva fica incompleto.

Resultado: tempo gasto, uma valente nódoa negra no braço mas boa ação por fazer! 

 

Quinto:

Na sexta-feira, eu e o marido celebrámos a maioridade da nossa relação: 16 anos de casamento + 2 de namoro = 18 anos a aturarmo-nos um ao outro.

Nem sempre é fácil, mas tem valido a pena! 

 

Sexto:

O crescimento da minha filha fascina-me a cada dia. Dou por mim com saudades de quando ela era tão pequenina que cabia inteira no meu colo, mas a maravilhar-me com as competências que vai desenvolvendo.

Ontem tivemos um churrasco convívio com alguns vizinhos e foi fantástico vê-la a conviver e brincar com as outras crianças presentes, e a conseguir estar desligada da nossa presença. Está mesmo a ficar crescida! 

 

 

13 comentários

Comentar post