Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Vida da Gorduchita

A Vida da Gorduchita

15
Out17

Tag | "Sou um leitor culpado?"

Vi esta tag no blog da Isaura - Jardim de Mil Histórias - no início do mês e ficou-me na cabeça. Ela deu as suas respostas no seu canal no Youtube. Eu como não tenho nada disso, lembrei-me de o fazer aqui (só para não quebrar esta onda literária que me atingiu...lol)

 

1. Já alguma vez ofereceste a alguém um livro que te tenha sido oferecido a ti?

Sim, já. Mais, já ofereci livros que comprei, li e como estavam parados na estante ainda com ar de novos, dei-os como presente a alguém. 


2. Já alguma vez disseste que leste um livro quando na realidade não leste?

Acho que não.Não vejo essa necessidade. Se li, óptimo. Se não, azar! 


3. Já alguma vez pediste um livro emprestado e não devolveste?

É provável que tenha acontecido, mas por lapso, apenas. Nunca intencionalmente.


4. Já alguma vez leste uma série fora de ordem?

Se o fiz, foi sem me aperceber. O que já me aconteceu foi ler livros e só depois saber que faziam parte de uma série. Mas comecei pelo primeiro, fortuitamente! 


5. Já alguma vez spoilaste um livro para alguém?

Acho que não. Novamente, pelo menos, não de propósito.


6. Já alguma vez dobraste o canto duma página para marcar onde é que ias a ler?

Tantas vezes. Eu sei, não se faz, mas à falta de alternativas...


7. Já alguma vez disseste a alguém que não tens um livro quando na realidade tens?

Não. Nem vejo fundamento para fazer tal coisa. (Será para que não peçam o livro emprestado?)


8. Já alguma vez disseste a alguém que não leste um livro quando na realidade leste?

Também não. Talvez porque nunca li livros de que me envergonhasse, ou, dito de outra forma, nunca tive vergonha dos livros que li.


9. Já alguma vez saltaste um capítulo ou uma secção de um livro?

Já, claro. Penso que já deve ter acontecido a toda a gente, naquele livro que está a ficar chato...


10. Já alguma vez falaste mal dum livro de que na realidade gostaste?

Qual a razão para se fazer isto? Alinhar numa conversa qualquer? Não, nunca fiz tal coisa.

 

E vocês? São culpados? :)

12 comentários

Comentar post